Tratamento da Celulite – Combinação de Técnicas

Não existe uma cartilha específica para realizar um tratamento efetivo de celulites, pois cada caso é muito particular. É importante combinar diferentes tratamentos para que o resultado final fique natural e harmônico com o corpo.

Hoje existem diversas tecnologias que podem ser somadas de modo a ajudar no combate à celulite. A combinação de radiofrequência com o infravermelho queima a gordura localizada, ajudando na microcirculação e, também, aumentando a produção de colágeno, o que leva a uma melhora da pele.

A drenagem linfática (que alguns aparelhos realizam combinando vácuo com manipulação mecânica) ajuda a desobstruir a microcirculação, acabando com o inchaço – responsável pelo aspecto conhecido como “casca de laranja” – e também melhora o aspecto da pele.

É possível também, usar preenchimentos dos mais diversos tipos para ajudar no tratamento. Preenchimentos permanentes, como o polimetilmetacrilato (PMMA), se realizados de maneira profunda, abaixo do músculo, vão estimular a produção de colágeno na região. Em casos mais severos, é possível realizar pequenos implantes de produtos temporários (como o ácido hialurônico) para corrigir irregularidades na pele.

Nos casos de celulite com grau 3 ou 4, quando apresenta um septo fibroso visível, é possível removê-lo para desobstruir a microcirculação na região. O médico localiza os septos e os remove um a um com a utilização de uma agulha bisturizada – procedimento chamado de subcisão.

O que é celulite:

O nome correto da celulite é Lipodistrofia Ginóide e é causada pelo acúmulo de gordura, água e toxinas nas células de lugares específicos do corpo (que variam de pessoa para pessoa). Esse acúmulo é causado por alterações no tecido gorduroso e na microcirculação, e deixa a pele com desníveis e nódulos, que são conhecidos como “furinhos” ou “casca de laranja”.

A celulite aparece mais nas mulheres que nos homens e cerca de 80% das mulheres sofrem dessa condição. Isso acontece porque a gordura (na mulher) geralmente se acumula nas coxas, quadris e nádegas, que são áreas comuns para a celulite. Mesmo mulheres magras podem sofrer desse mal.

Existem vários graus diferentes de celulite. No grau 1 o inchaço só é visível apenas apertando a pele, que fica levemente irregular. No grau 2 irregularidades começam a aparecer sem que a pele seja apertada. O grau 3 traz consigo o aparecimento de pequenos vasos, e uma piora progressiva nas depressões da pele. O último grau é o grau 4, onde a pele fica endurecida, as irregularidades podem ser visíveis até mesmo por sobre roupas mais finas, sendo, ainda, comum a presença de dor.

Tratamento para celulite graus 3 e 4 com GoldIncision

O tratamento para os graus mais avançados de celulite é realizado com subcisão desde 1997 sendo a única maneira de eliminar o septo fibroso que causa os “furinhos” na pele. Ao longo da minha experiência com preenchimento pude perceber o potencial da técnica na correção das irregularidades e melhora da qualidade geral da pele. Foi então que desenvolvi a Goldenneedle, uma agulha em ouro cirúrgico respeitando as necessidades de uma espessura que não permite cicatriz, orifício para complementação de anestesia local e extremidade bisturizada cortante bilateralmente. Assim, é possível unir subcisão e preenchimento em um único tratamento que denominei GoldIncision, onde realizo a partir de um único ponto de entrada na pele, com a mesma agulha, a secção do septo fibroso, de maneira a liberar a tração que ele provoca na pele, seguida do preenchimento da depressão que ajudará a estimular a formação de colágeno, devolvendo não somente o aspecto liso, mas equilibrando o contorno corporal e contribuindo para uma pele mais firme, elástica e hidratada, de aspecto saudável. Sem internação, sem cicatriz, dentro de apenas uma hora, com o paciente em pé na frente do espelho, anestesia local e tempo de recuperação reduzido. Veja mais: http://cienciaeartedopreenchimento.com/